Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Dia Internacional de Luta Contra os Agrotóxicos chama atenção para os riscos de intoxicação
03/12/2022 09:26 em Política

Neste ano, foram notificados 233 casos de intoxicação por agrotóxicos em todo o Tocantins

 

Governo do Tocantins 

No dia 3 de dezembro é lembrado como o Dia Internacional de Luta Contra os Agrotóxicos. A data chama a atenção para os riscos de contaminação da população e do meio ambiente. Dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) apontam que em 2022, foram notificados 233 casos de intoxicação por agrotóxicos, sendo que destes, 97 foram de intoxicações por agrotóxicos de uso agrícola.

 

Com o intuito de fortalecer o Sistema de Gestão de Vigilância em Saúde de Populações Expostas a Agrotóxicos, a SES-TO elaborou, em 2013, o Plano Estadual de Vigilância em Saúde de Populações Expostas a Agrotóxicos (VSPEA). “Este documento já foi aprovado em CIB e encontra-se em fase de revisão. Ele traz orientações para que os municípios, através de implantação de Planos Municipais, tenham autonomia técnico-gerencial para identificar os problemas e desenvolver as ações de vigilância e promoção da saúde que minimizem ou eliminem os impactos causados pela exposição aos agrotóxicos, sejam eles de uso agrícola, doméstico, saúde pública, produto veterinário e raticida”, afirmou o diretor de Vigilância em Ambiental e Saúde do Trabalhador, Sérgio Luís de Oliveira Silva.

 

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que são registradas 20 mil mortes por ano, devido ao consumo de agrotóxicos. Segundo a organização os públicos mais afetados são: os agricultores e trabalhadores das indústrias de agrotóxicos, que sofrem diretamente os efeitos dos agrotóxicos durante a manipulação e aplicação; a população que está suscetível a exposições múltiplas a agrotóxicos, por meio de consumo de alimentos e água contaminados e gestantes, crianças e adolescentes, devido às alterações metabólicas, imunológicas e hormonais presentes nesse ciclo de vida.

 

Ações pontuais

 

Dentre as ações de Vigilância em Saúde relacionadas aos agrotóxicos no Estado do Tocantins estão: elaboração e aprovação do Plano Estadual de Vigilância em Saúde de Populações Exposta a Agrotóxicos; elaboração e implementação do Plano de Monitoramento de Agrotóxico na Água de Consumo Humano e Plano de Amostragem para coleta de água de consumo humano para análise de agrotóxicos; assessoria aos municípios para implantação da Vigilância em Saúde de Populações Expostas a Agrotóxicos (VSPEA) em municípios prioritários e capacitação para identificar, notificar, investigar e monitorar os casos de intoxicações por agrotóxicos para médicos, enfermeiros e técnicos da vigilância dos municípios.

COMENTÁRIOS